sábado, 4 de maio de 2019

Jequié: Preso por tráfico de drogas

Sexta-feira 03 de maio,  próximo a churrascaria Boi Bão, na BR-116 um homem que pedia carona foi abordado por policiais que fizeram uma revista pessoal e encontraram com Tailan dos Santos Pinheiro, 04 (quatro) trouxas de  maconha. 
Tailan confessou aos policiais que em sua casa situada no povoado do KM 100, Loteamento Antônio Coelho, havia mais drogas e lá foi encontrdo 16  trouxas de maconha.
Tailan foi preso pela CIPE CENTRAL, por tráfico de drogas e subiu para a Delegacia.

Jaguaquara: Três pessoas mortas a pauladas um homem uma mulher grávida e uma adolescente

Um homem, uma mulher grávida e uma adolescente foram encontrados mortos, na manhã dessa sexta-feira, 03 de maio, dentro de uma residência na localidade de Terra Braz, na região do Entroncamento de Jaguaquara. Os corpos de Elias Custódio Santana, com mais de 60 anos, proprietário do imóvel, Joelma Souza Almeida, 30, e Vanessa de Jesus, de 16 anos, foram encontrados por um agente de saúde, que foi a casa para levar o ancião até a cidade de Jaguaquara para tentar viabilizar a sua aposentadoria. O crime pode ter sido praticado na madrugada e as vítimas foram mortas a pauladas. Os corpos da menor e do idoso estavam num quarto do imóvel e a gestante ao lado de um fogão de lenha, na cozinha da casa. 
As autoridades policiais não descartam que o crime possua relação com o tráfico de drogas, uma vez que a adolescente já foi apreendida com entorpecente. 

Jequié: Ladrões levam bolsa de Mulher no Bairro São Luís

Rua Deputado Manoel Novaes, no Bairro São Luís, Jequié
Na Rua Deputado Manoel Novaes no Bairro São Luís na cidade de Jequié no início da noite de quinta-feira no dia 02 de maio, dois ladrões em uma moto aparentando estar armados, abordaram uma mulher e levaram uma bolsa com documentos pessoais e um celular Samsung preto.

Assaltantes armados são presos pela PRF após cometerem o crime e empreenderem fuga


Na manhã do dia 02 de maio, após denúncia anônima à PRF (disque 191) de que dois homens armados em um veículo Ford/KA vermelho estavam assaltando os cidadãos em um ponto de ônibus na BR 324 na altura do bairro de Águas Claras do município de Salvador (BA).
Em decorrência da tentativa de abordagem policial, os criminosos empreenderam fuga e a equipe realizou o acompanhamento tático do veículo até que este acidentalmente colidiu com um ônibus que trafegava na via, momento em que os policiais realizaram a prisão em flagrante dos assaltantes.
Além de recuperar pertences das vítimas, a equipe identificou que o veículo utilizado possuía placa clonada e que a placa original tinha registro de roubo datado do último 23 de abril.
Ainda, a proprietária do veículo cuja a placa havia sido clonada foi contactada pelos agentes federais e informou que estava recebendo ligações de um indivíduo com a alegação de que seu veículo havia colidido com o dele e evadido, sendo verificado que o veículo roubado realmente tinha sinais de colisão recente. Tal situação pode eximir a proprietária de culpa, uma vez provado que o veículo que colidiu foi que utilizava por meio de fraude a placa clonada.
Os criminosos, um revólver calibre 32, três munições e os bens recuperados foram encaminhados para a delegacia de polícia judiciária para os devidos trâmites legais.

Fonte: Agência PRF

sexta-feira, 3 de maio de 2019

Praia Grande: Ladrão recebe mata-leão de mulher que ele havia roubado


Uma moradora de Praia Grande, no litoral de São Paulo, surpreendeu um menor que tentava assaltá-la. Lutadora de jiu-jitsu, a jovem imobilizou o suspeito com um 'mata-leão' e só o soltou com a chegada da polícia.  
O ataque ocorreu no bairro Jardim Melvi. De acordo com o depoimento da vítima, ela caminhava tranquilamente pelo bairro quando foi abordada pelo suspeito, que é menor de idade. Ele roubou o celular da mulher e tentou fugir.

Na fuga, a vítima gritou e o marido, que estava próximo, pegou o carro e os dois foram atrás do menor para tentar recuperar o pertence. De acordo com o delegado, em determinado momento, o motorista conseguiu fechar o suspeito e a mulher desceu do carro para imobilizá-lo até a chegada da polícia.
Com um 'mata-leão', a vítima, que faz aulas de jiu-jitsu, imobilizou o menor. Depois de rendido, o adolescente chega a chorar enquanto aguardava a chegada da Polícia Militar.

Jequié: Motorista de táxi da Praça Ruy Barbosa tomou umas e foi pego pela PRF

Nesta quinta-feira 2 de maio, um taxista que trabalha em um ponto na Praça Ruy Barbosa em Jequié, chamado Ednael, vinha fazendo manobras perigosas na BR-116, mas foi denunciado por outros motorista que passavam.
Polícia Rodoviária Federal que não brinca em serviço foi atrás e pegou o cidadão.
Ednael contou que estava no Povoado de Jiboia e vinha para Jequié. Mas agora a cobra fumou e Ednael foi contar sua história na delegacia.

Jequié: Foram reclamar de pedrada em carro e levaram tiros nas costas

Nesta quinta-feira 3 de maio 22h40 dois jovens deram entrada no Hospital Valadares,  Rafael Soares Silva de 21 anos e João Vitor de Oliveira Queiroz de 23 anos.
Um homem de nome Ley, havia se envolvido em um acidente de trânsito com o Rafael a uns dois meses atrás, ao passar por Rafael e João Vitor, atirou uma pedra no vidro do carro de Rafael. Rafael e João Vitor foram até a casa do tio do Ley, nas casas do projeto minha casa minha vida no Bairro Cidade Nova para informar sobre o ocorrido. Mas, Ley saiu de dentro da casa do tio com um revólver na mão e efetuou vários disparos contra eles.
Rafael Soares residende na Caixa D'água, Joaquim Romão em Jequié, foi atingido por dois disparos, um no braço esquerdo e nas costas. João Vitor reside também no Joaquim Romão em Jequié, e foi atingido por um disparo também nas costas. 
Todos os dois estão no Hospital Prado Valadares.

Mulher é presa pela PRF em Vitória da Conquista (BA) transportando cocaína para Alagoas


Policiais Rodoviários Federais prenderam, na noite de ontem (01), uma jovem de 20 anos por tráfico de entorpecentes. O fato ocorreu por volta das 19h50, no KM 836 da BR 116, trecho do município de Vitória da Conquista, localizado na região sudoeste da Bahia.
Durante fiscalização a um ônibus de transporte interestadual, os PRFs encontraram, nos pertences de uma das passageiras, 05 quilos de substância análoga à cocaína. A droga, estava distribuída em tabletes, acondicionados em uma caixa lacrada com fita adesiva.
Indagada pela equipe sobre a origem do ilícito, a passageira declarou ter recebido a cocaína na cidade de São Paulo (SP) para transportá-la a Maceió (AL), onde receberia certa quantia em dinheiro.
A jovem foi presa e encaminhada com a droga para a delegacia de polícia judiciária local.

quinta-feira, 2 de maio de 2019

Itabuna: Delegado agonizou 20 minutos até ser socorrido, diz policial



Antes de ser socorrido para o Hospital Base de Itabuna, o delegado José Carlos Mastique agonizou durante vinte minutos no chão. Essa é a versão contada em depoimento pelo investigador da Polícia Civil José Jorge Figueiredo dos Santos, que estava com o delegado quando ele foi morto por policiais militares no último domingo (28), em Itabuna. Os PMs foram identificados como soldado Sérgio Rocha Moreira e cabo Cleomario de Jesus Figueiredo, ambos lotados no 15º Batalhão de Polícia Militar (15º BPM/Itabuna), e foram presos nessa terça-feira (30). José Jorge, que é lotado na 13ª Delegacia (Cajazeiras), foi convocado para vir a Itabuna pelo delegado Mastique, também de Cajazeiras, porque ele estava operado e não poderia dirigir até a cidade.
O jornal Correio teve acesso a informações do Termo de Depoimento de Testemunha de José Jorge, registrado na 6ª Coordenadoria de Polícia do Interior (6ª Coorpin/Itabuna), que investiga o caso. No documento, o policial conta que ele e o delegado morto foram a um posto de gasolina para comprar cigarros. José Jorge deu a mesma versão do Sindicato dos Policiais Civis (Sindipoc) de que uma mulher estava sendo agredida por um homem que, depois, eles descobriram ser policial militar. O investigador afirmou que ele e Mastique tentaram intervir na briga e chamaram uma viatura da PM que, ao chegar no local, apoiou os policiais militares. "Chegou uma viatura com dois policiais e doutor Mastique, ao perceber a chegada da viatura, se identificou como delegado, mostrando a carteira funcional em uma das mãos. Eu acredito que, ao identificar que a outra parte se tratava de um policial militar, os policiais que ali chegaram passaram a ter uma postura diferente, mandando que tanto eu quanto o doutor Mastique deitássemos ao chão, mas nós recusamos", contou José Jorge durante o depoimento. Ainda segundo o policial civil de Cajazeiras, Mastique dizia diversas vezes que era delegado e, mesmo assim, um dos policiais militares retirou da cintura uma das armas e disparou contra ele, que foi atingido do lado esquerdo do peito. "Fui até onde ele estava e vi que ele estava ferido. 

Olhei a pulsação e solicitei que dessem socorro a ele e lhes disse: 'Olha a merda que vocês fizeram, atiraram em um delegado' e eles mandaram que eu me deitasse ao chão. Eu, sem alternativa, me deitei", afirmou o investigador. Após o tiro, ainda segundo o depoimento, o delegado ficou no chão, sem socorro. Durante esse tempo, os policiais mandaram José Carlos entregar a arma. "Eu não entreguei a arma para eles porque tive medo que eles atirassem em mim também. Eu solicitava que eles dessem socorro ao delegado e eles me deram voz de prisão. Eles não trouxeram para a delegacia nenhuma pessoa que estava no local e que presenciaram tudo", relatou. O socorro só foi prestado quando um tenente da PM chegou ao local do crime. Ele colocou o corpo do delegado na parte de trás da viatura e levou ao hospital, onde foi constatada a morte. Já a versão do 15º BPM diz que, antes do crime, o delegado estava com o carro estacionado no Posto Jequitibá. Um morador que passou pelo local, por volta das 4h, estranhou o carro parado e viu que havia um homem armado no veículo. A testemunha teria entrado em contato com a PM informando que suspeitava de que ocorreria um assalto no posto.

O jornal Correio teve acesso a informações do Termo de Depoimento de Testemunha de José Jorge, registrado na 6ª Coordenadoria de Polícia do Interior (6ª Coorpin/Itabuna), que investiga o caso. No documento, o policial conta que ele e o delegado morto foram a um posto de gasolina para comprar cigarros. José Jorge deu a mesma versão do Sindicato dos Policiais Civis (Sindipoc) de que uma mulher estava sendo agredida por um homem que, depois, eles descobriram ser policial militar. O investigador afirmou que ele e Mastique tentaram intervir na briga e chamaram uma viatura da PM que, ao chegar no local, apoiou os policiais militares. "Chegou uma viatura com dois policiais e doutor Mastique, ao perceber a chegada da viatura, se identificou como delegado, mostrando a carteira funcional em uma das mãos. Eu acredito que, ao identificar que a outra parte se tratava de um policial militar, os policiais que ali chegaram passaram a ter uma postura diferente, mandando que tanto eu quanto o doutor Mastique deitássemos ao chão, mas nós recusamos", contou José Jorge durante o depoimento. Ainda segundo o policial civil de Cajazeiras, Mastique dizia diversas vezes que era delegado e, mesmo assim, um dos policiais militares retirou da cintura uma das armas e disparou contra ele, que foi atingido do lado esquerdo do peito. "Fui até onde ele estava e vi que ele estava ferido. 

Olhei a pulsação e solicitei que dessem socorro a ele e lhes disse: 'Olha a merda que vocês fizeram, atiraram em um delegado' e eles mandaram que eu me deitasse ao chão. Eu, sem alternativa, me deitei", afirmou o investigador. Após o tiro, ainda segundo o depoimento, o delegado ficou no chão, sem socorro. Durante esse tempo, os policiais mandaram José Carlos entregar a arma. "Eu não entreguei a arma para eles porque tive medo que eles atirassem em mim também. Eu solicitava que eles dessem socorro ao delegado e eles me deram voz de prisão. Eles não trouxeram para a delegacia nenhuma pessoa que estava no local e que presenciaram tudo", relatou. O socorro só foi prestado quando um tenente da PM chegou ao local do crime. Ele colocou o corpo do delegado na parte de trás da viatura e levou ao hospital, onde foi constatada a morte. Já a versão do 15º BPM diz que, antes do crime, o delegado estava com o carro estacionado no Posto Jequitibá. Um morador que passou pelo local, por volta das 4h, estranhou o carro parado e viu que havia um homem armado no veículo. A testemunha teria entrado em contato com a PM informando que suspeitava de que ocorreria um assalto no posto. 
A PM informou que esteve no local, notou que o suspeito estava “alterado” e que sacou a arma, sem se identificar como delegado. Foi quando ele teria levado o tiro no peito. O caso é investigado pela 6ª Coorpin, com apoio da Corregedoria-geral da Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA). O corpo de José Carlos foi enterrado nesta segunda-feira (29). O enterro ocorreu no Cemitério do Campo Santo, no bairro do Pontalzinho, na própria cidade itabunense. O delegado, que estava há 15 anos na Polícia Civil, era casado e deixa um filho. As informações são do Correio24horas.

Jequié: Ladrões invadem casa para roubar no Centro da cidade

Ontem 1º de Maio quarta-feira, por volta das 09h uma viatura da Polícia Militar foi até a Avenida Costa Brito no Centro de Jequié, para atender uma senhora vítima de roubo. Chegando ao local foi constatado que a cerca elétrica da residência foi cortada sendo dois celulares e uma quantia de noventa reais em dinheiro roubados, os autores não foram encontrados.

Jequié: Polícia Civil recupera celulares roubados e furtados 4 receptadores foram contar suas histórias na delegacia


Depois de investigações de alguns crimes de furto e roubo ocorridos na cidade de Jequié de aparelhos celulares a Polícia Civil recuperou 4 aparelhos: SMARTPHONE SAMSUNG J2, SAMSUNG J7, MOTO G6 e MOTO G4. Os aparelhos estavam em imóveis na cidade de Jequié e as pessoas que estavam com os aparelhos foram conduzidas para a delegacia de Jequié, onde devem responder pelo crime de receptação.
Os aparelhos já foram devolvidos aos seus verdadeiros proprietários. 
A Polícia Civil, por meio da Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos de Jequié, ressalta que o cidadão, mesmo de boa fé, ao ser localizado de posse de objetos de origem criminosa será responsabilizado por crime de RECEPTAÇÃO, sugerindo às pessoas que ao adquirirem qualquer produto, mesmo que usado, exijam nota/cupom fiscal.


Fonte: DRFR Jequié

terça-feira, 30 de abril de 2019

Ubaitaba: Policial Militar foi baleado em assalto em lanchonete

Um Policial Militar lotado na 61ª CIPM/Ubaitaba foi baleado durante uma diligência na noite desta segunda-feira (29), após um assalto contra a Mega Point Lanchonete na cidade de Ubaitaba. O policial foi identificado como sendo Jotinha. O tiro atingiu o tórax do lado esquerdo. Jotinha foi conduzido para o hospital São Vicente de Paulo e conduzido por uma ambulância do município para um dos hospitais de Itabuna. (Ubaitaba Urgente)

Planalto: Tio e sobrinho morre em acidente de carro na BR-116

(Foto: Blog do Anderson)
Tio e sobrinho ambos naturais da cidade de Planalto, no sudoeste da Bahia, morreram no início da manhã desta segunda-feira (29), em um grave acidente envolvendo um carro de passeio modelo Ford Ecosport, com placas de São Paulo e um ônibus de turismo, na BR-116, no km 795 da rodovia, em Minas Gerais. De acordo com informações passadas ao Plantão Planalto, as vítimas moravam no Estado de São Paulo e vieram à Bahia para o velório da mãe de um deles.
O condutor do veículo Ecosport foi socorrido com vida, trata-se de Murilo Luz, de 27 anos. O mesmo realizou uma cirurgia e passa bem. Os outros dois ocupantes morreram no local: Delito de 58 anos e o sobrinho Vitor, 28. O veículo seguia para São Paulo. Os três vieram para Bahia para o velório da mãe do Delito, que havia falecido na semana passada, no Povoado da Cajazeira, Zona Rural de Planalto. Os corpos das vítimas foram levados para o Instituto Médico Legal serão trazidos para Planalto, onde serão velados e sepultados. (Blog do Anderson)

Itabun: Alunos de faculdade tomam susto com cobra em carro

Cobra estava dentro de carro, em estacionamento da universidade (Foto: TV Bahia)
Alunos de uma faculdade particular de Itabuna, no sul da Bahia, se assustaram ao encontrar uma cobra dentro de um carro, no estacionamento da instituição, na noite de segunda-feira (29). De acordo com a diretora da Unime em Itabuna, Shirlei Dantas, o animal pertence a um dos alunos da universidade. Segundo ela, o estudante tem autorização para criar a cobra, que é uma piton albina. Essa não foi a primeira vez que o aluno levou o animal, que não é venenoso, para a instituição. “Como estava tarde, tentamos contato com ele, mas ainda não conseguimos contatá-lo, para adverti-lo sobre essa inconveniência. Estamos verificando sob o ponto de vista administrativo, para conduzirmos o caso da melhor forma possível, sem ofender o aluno”, disse a diretora. Ainda segundo Shirlei, o estudante já havia sido avisado anteriormente para não levar o animal à universidade. (G1)

Dez quilos de pasta base de cocaína são encontrados dentro de painel de carro na BR-040


A Polícia Rodoviária Federal (PRF) encontrou dez quilos de pasta base de cocaína escondidos dentro do painel de um carro. O flagrante aconteceu durante uma abordagem na Rodovia Washington Luiz (BR-040), em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, na manhã de domingo (28).
Policiais rodoviários federais da 1ª Delegacia (Duque de Caxias) pararam o veículo, após desconfiarem do motorista, que seguia para o Rio de Janeiro. Quando consultaram os sistemas de segurança pública, verificaram que o suspeito, de 41 anos, já havia sido preso por tráfico de entorpecentes.

Em uma revista mais detalhada, os policiais perceberam que havia algo de errado no painel do carro. Eles encontraram aproximadamente dez quilos de pasta base de cocaína. O motorista acabou confessando que trazia a droga de São Paulo. Ele contou ainda que faria a entrega para um comparsa nas proximidades da rodoviária, no Centro do Rio.

                      Veja vídeo:
A ocorrência foi encaminhada à Polícia Federal.
Fonte: Agência PRF

Jequié: Ladrão de celular roubou uma pessoa no São Judas

Imagem ilustrativa
Na segunda-feira dia 29 de abril início da noite na Avenida 10 no Bairro São Judas Tadeu, uma pessoa de 21 anos foi roubada por dois homens que estavam em uma motocicleta, os dois elementos estavam com uma arma de fogo.

segunda-feira, 29 de abril de 2019

Jaguaquara: Dois homens morrem em acidente grave na BR-116

Na manhã de segunda-feira 29 de abrilna BR-116 altura do km 627, próximo ao povoado do Tatu, um Fiat Palio e um Chevrolet Corsa colidiram frontalmente. Ediel Dias Santos, morador de Jaguaquara, conduzia o Fiat Pálio e Vagner dos Santos Alves dirigia o Corsa, morreram no local.
 

Uma criança e duas mulheres sobreviveram ao acidente.

Jequié: Pego pela PM dirigindo bêbado

Foto ilustrativa
No sábado 27 de abril na Avenida Franz Gedeon no Bairro Jequiezinho na cidade de Jequié, um Ford Focus foi parado pela Polícia Militar que notaram fortes indícios de embriaguez do seu condutor. Lucas Ribeiro Oliveira de 33 anos o condutor do veículo, foi conduzido para o posto da Polícia Rodoviária Federal, onde fez o teste do bafômetro com resultado positivo.
Lucas foi levado para a delegacia de Jequié, onde foi contar sua história.

PRF apreende meia tonelada de maconha que abasteceria comunidades do RJ

Um casal foi preso pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) depois de ser flagrado com meia tonelada de maconha. A droga abasteceria comunidades da Zona Norte do Rio. O flagrante aconteceu na Rodovia Presidente Dutra (BR-116), em Seropédica, na Região Metropolitana do Rio, no sábado (27).

Equipes do Grupo de Operações com Cães (GOC/RJ) do Núcleo de Operações Especiais (NOE/RJ) faziam patrulhamento na rodovia para coibir a entrada de armas e drogas no estado. Após desconfiarem do motorista de um carro, deram ordem de parada. Ele desobedeceu e iniciou uma fuga em alta velocidade. Na entrada do Arco Metropolitano, perdeu o controle da direção, saiu da pista e tentou fugir para um matagal, mas foi alcançado.
O suspeito, de 18 anos, estava acompanhado de uma adolescente. Ao se aproximarem do veículo, os policiais encontraram mais de 500 tabletes de maconha. A droga estava espalhada em todas as partes do carro. A dupla confessou que receberia uma quantia em dinheiro para entregar o carregamento nas proximidades da avenida Brasil, na Zona Norte do Rio. Eles contaram ainda que vinham de Foz do Iguaçu, no Paraná.

Veja o vídeo:

A ocorrência foi encaminhada à Polícia Federal.

Fonte: Agência PRF

Jequié: Irmão furta celular da irmã para trocar por caixa de som

Foto ilustrativa
No domingo 28 de abril por volta de meio dia, na Rua Cidade de Maceió, no Bairro Jequiezinho, a Polícia Militar foi resolver uma situação em que uma jovem de 22 anos teve o seu aparelho celular furtado pelo próprio irmão de 23 anos, e fez uma troca com outra pessoa por uma caixa de som.
A jovem informou ainda que está pagando as parcelas do celular e ao falar com seu irmão a respeito da troca ele ainda ameaçou-a com uma faca e evadiu-se do local. Em rondas pelas proximidades a guarnição localizou o autor, os dois irmãos foram conduzidos  até a delegacia e o celular da vítima foi recuperado.

Itabuna: Delegado de Polícia Civil que trabalhou em Jequié morre em ação da Polícia Militar em Itabuna

Na madrugada deste domingo (28), o delegado da Polícia Civil José Carlos Mastique foi morto com um tiro de arma de fogo, feito por um cabo da Polícia Militar, que estava em serviço. O caso aconteceu por volta das 3h próximo a um posto de gasolina, localizado ao lado do Shopping Jequitibá, em Itabuna. José Mastique já atuou como delegado em Itabuna e outras cidades da região. 

O posto tem intensa movimentação durante as madrugadas. Por voltas das 4h, a delegada Lisdeile Nobre e policiais civis que estavam de plantão foram acionados, compareceram, e Lisdeile iniciou os trabalhos de investigação. A ela, uma testemunha, funcionário do posto, contou que foi chamado, por voltas da 3h, para ajudar em uma briga de um casal, em que o homem estava armado e agredindo a mulher. 

Esse casal não estava consumindo na loja de conveniência do posto, apenas estacionou o carro perto, e começou a discussão. O veículo de Mastique é um Honda Fit, de cor prata e placa OKN-6018, que estava estacionado já na Av. Félix Mendonça. 

Ainda de acordo com este relato, o funcionário decidiu não se aproximar, porque viu, de longe, que o homem estava realmente armado. Ele não sabia que se tratava de um delegado. Então, este funcionário do posto acionou uma viatura da Polícia Militar que passava nas imediações, e os policiais foram averiguar a situação. 

Ainda de acordo com o relato da testemunha, a guarnição da PM iniciou as abordagens, e o delegado teria sacado a sua arma, quando, o cabo da PM, identificado como Cleomário, efetuou um disparo, que atingiu José Carlos, que caiu ao chão. Foram feitas ligações para o Samu 192, mas o delegado foi socorrido na própria viatura da Polícia Militar para o Hospital de Base Luís Eduardo Magalhães. Ele não resistiu aos ferimentos. 

Uma equipe do Departamento de Polícia Técnica foi acionada, e o perito Paulo Libório colheu sangue, fez fotografias e realizou análises técnicas. Ele também coordenou ações de simulação, inclusive colocando outro veículo no mesmo local, com o intuito de reconstituir a ação.

Uma garota de programa, envolvida na situação foi interrogada pela polícia. Ela estava dentro do carro do delegado, e contou que percebeu a discussão dele com o policial, até que ouviu o barulho do tiro. Ainda em depoimento, ela disse que o delegado estaria dando uma carona a ela à estação rodoviária, já que ela iria para sua cidade natal, Vitória da Conquista. 

Não se sabe ainda se esta mulher que discutia com o delegado era a garota de programa. Mas de acordo com o depoimento desta última, ela afirma que não saiu do carro, que não discutiu, que apenas estava aguardando a carona para a rodoviária, o que indica uma segunda mulher no episódio. A área do posto estava lotado de pessoas que consumiam na loja de conveniências. Algumas dessas pessoas foram e serão ouvidas pela polícia. 

O caso ainda é cheio de incertezas. No início da manhã, no Complexo Policial a movimentação já era intensa, e o clima bastante delicado, especialmente em função de se tratar de dois policiais, um civil e um militar. O caso é investigado com cuidado diferenciado. Policiais militares das mais diversas patentes, assim como agentes e delegados da Polícia Civil estavam no CPI, na manhã deste inusitado domingo itabunense. 

Um destes delegados, André Aragão, coordenador regional, esteve na área onde ocorreu o caso, para tentar colher imagens feitas por câmeras de segurança instaladas nas imediações, com o propósito de esclarecer o episódio, como parte das investigações.

Na manhã deste domingo, o Sindicato da Polícia Civil (Sindpoc) emitiu nota pública de repúdio classificando a ação da PM como truculenta e desastrosa. Confira, na íntegra, o que diz a nota:

"O  SINDPOC repudia a ação desastrosa perpetrada por uma guarnição de policiais militares, onde o cabo da PM Cleomario, assassinou o delegado da Polícia Civil Mastique, após a vítima tentar evitar uma agressão de um policial militar de folga contra a sua acompanhante. Os policiais civis Mastigue e Figueiredo ao serem abordados se identificaram serem policias e estarem armados. O Delegado ao pegar a arma, para entregar aos policiais militares foi alvejado, vindo a óbito no local, com objetivo de modificar o cenário do ocorrido,  simularam Socorro a vítima. Os investigadores da Polícia  Civil iniciaram a investigação para esclarecer a sociedade com a verdade dos fatos, responsabilizando  o autor dessa truculência que ceifou a vida do nosso colega." 


APPM-BA se manifestou na tarde deste domingo, e divulgou nota de repúdio ao posicionamento do SindPoc. Confira, na íntegra, a nota da APPM-BA:

A Associação de Praças da Polícia e Bombeiro Militar da Bahia- APPMBA, lamenta o episódio ocorrido nesta madrugada na cidade de Itabuna, envolvendo agentes das forças de segurança do Estado. A APPMBA repudia a nota do SINDPOC que está circulando nas redes, assim como o áudio do presidente deste sindicato. Neste momento de dor para todos nós integrantes da segurança pública, nos cabe aguardar a conclusão das investigações, e não pre julgamentos. A única certeza que temos, é que havia uma Guarnição da PM de serviço, composta por excelentes policiais militares. Diante disto, somos solidários aos familiares, colegas e amigos do delegado José Carlos Mestique. E seguimos a disposição da Guarnição. O momento não é de buscar culpados numa ocorrência policial com apuração em andamento, não é ético utilizar a dor como palanque político. Respeitar a dor do outro sem seletividade. Nosso departamento jurídico segue acompanhando o caso e a disposição dos policiais envolvidos na ocorrência.

Fonte, fotos e reprodução de matéria: Verdinho Itabuna

domingo, 28 de abril de 2019

Jequié: Polícia Civil prende mais um traficante em Jequié

Nesta sexta-feira dia 26 de abril a polícia Civil de Jequié realizou a 2ª fase da Operação Rochedo, a primeira fase ocorreu dia 16 de abril.

Reveja o caso: Jequié: Polícia Civil prende traficantes que atuavam em Jequié no sistema "delivery"

Nesta segunda fase foi preso Pierre Ferreira Santos em cumprimento de Mandado de Prisão. 
Pierre era investigado por operar no esquema de tráfico de entorpecentes no qual encaminhava drogas para Carlucio dos Santos e Júlio César Oliveira, que distribuíam para alguns mototaxistas  que atendiam na modalidade delivery (entrega por telefone) a vários usuários da cidade.

Condutor de Corsa desobedece ordem de parada e foge por quilômetros até esgotar o combustível do automóvel

A Polícia Rodoviária Federal realizava fiscalização de rotina, na manhã deste sábado (27), no km 758 da BR 116, trecho do município de Poções, quando o condutor de um GM/ Hatch, desobedeceu a ordem de parada e empreendeu fuga em alta velocidade, colocando em risco a segurança de todos.
Durante o acompanhamento tático, o condutor adentrou o perímetro urbano e transitou por diversas ruas da cidade, em velocidade incompatível com as vias. Atravessou cruzamentos sem observar as normas gerias de circulação e conduta prudente no trânsito, bem como desrespeitou às sinalizações dos trechos durante a fuga. Dirigiu pela contramão da direção e só parou o carro após ficar sem combustível.
Nesse momento, a equipe conseguiu interceptar o veículo nas imediações do bairro Lagoa Grande. O condutor, que também não possuí CNH, foi abordado pelos policiais e autuado foi autuado em flagrante pelo crime de Desobediência, previsto no artigo 330 do Código Penal e mais às infrações de transitar com velocidade incompatível com a segurança e dirigir veículo pondo em perigo a segurança alheia, gerando dano, ambos do Código de Trânsito Brasileiro.

A ocorrência foi encaminhada à Polícia Civil de Vitória da Conquista e o motorista, um homem de 26 anos, foi apresentado à autoridade policial para os procedimentos legais. O veículo foi recolhido ao pátio da PRF.

Fonte: Agência PRF.

Jequié: Dono de moto roubada encontra veículo próximo a UPA

Imagem ilustrativa
Sábado 27 de abril início da tarde, na Av. Tote Lomanto, um proprietário de uma motocicleta Hunter 100 JSS-4839 que havia sido furtada a dois dias atrás informou a policiais que viu a moto próximo a UPA.
Chegando ao local os policiais prenderam, J. S. J, 25 anos e o levaram junto com o veículo para a delegacia de Jequié.